Fale Connosco

+351 255 214 495

Registo / Login

Zona Euro Teve um Défice da Balança Comercial (Para Com o Resto do Mundo) de € 24.6 Mil Milhões em Junho de 2022

A estimativa para as exportações de bens da zona euro para o resto do mundo em junho de 2022 foi de € 252.2 mil milhões, um aumento de 20.1% em comparação ao mesmo mês do ano anterior (€ 210 mil milhões), segundo a Eurostat. As importações do resto do mundo totalizaram € 276.8 mil milhões, um aumento de 43.5% em relação ao mesmo mês do ano anterior (€ 192.9 mil milhões). Como resultado, a zona euro registou um défice de € 24.6 mil milhões no comércio de bens com o resto do mundo em junho de 2022, em comparação a um superávit de € 17.2 mil milhões no mesmo mês do ano anterior. O comércio dentro da zona euro aumentou para € 236.4 mil milhões em junho de 2022 (+24.2% em comparação ao mesmo mês do ano anterior).

Figura 1 – Comércio Internacional de Bens da Zona Euro – Alteração Mensal (%) em Relação ao Mesmo Mês do Ano Anterior


Exportações (Linha Azul); Importações (Linha Vermelha).
Fonte: Eurostat.

De janeiro a junho de 2022, as exportações de bens da zona euro para o resto do mundo aumentaram para € 1393.1 mil milhões (+18.7% em relação a janeiro-junho de 2021), e as importações aumentaram para € 1533.6 mil milhões (+43% em relação a janeiro-junho de 2021). Como resultado, a zona euro registou um défice de € 140.4 mil milhões, em comparação a um superávit de € 100.6 mil milhões em janeiro-junho de 2021. O comércio dentro da zona euro aumentou para € 1328.5 mil milhões em janeiro-junho de 2022 (+26.3% em relação a janeiro-junho de 2021).

Figura 2 – Comércio da Zona Euro (Em Milhares de Milhões de Euros)


Extra-EA Exports (Exportações da Zona Euro Para o Resto do Mundo); Extra-EA Imports (Importações da Zona Euro Vindas do Resto do Mundo); Extra-EA Trade Balance (Balança Comercial da Zona Euro em Relação ao Resto do Mundo); Intra-EA Trade (Comercio Dentro da Zona Euro);Growth (Aumento).
Fonte: Eurostat.

A estimativa para as exportações de bens da União Europeia (UE) para o resto do mundo em junho de 2022 foi de € 224.9 mil milhões, um aumento de 19.4% em comparação ao mesmo mês do ano anterior (€ 188.3 mil milhões). As importações vindas do resto do mundo ficaram em € 258.9 mil milhões, um aumento de 48.5% em relação ao mesmo mês do ano anterior (€ 174.3 mil milhões). Como resultado, a UE registou um défice de € 34 mil milhões no comércio de bens com o resto do mundo em junho de 2022, em comparação a um superávit de € 14 mil milhões no mesmo mês do ano anterior. O comércio dentro da UE aumentou para € 366.6 mil milhões em junho de 2022 (+23% em relação ao mesmo mês do ano anterior).

Figura 3 – Comércio Internacional de Bens da UE – Alteração Mensal (%) em Relação ao Mesmo Mês do Ano Anterior


Exportações (Linha Azul); Importações (Linha Vermelha).
Fonte: Eurostat.

De janeiro a junho de 2022, as exportações de mercadorias para fora da UE aumentaram para € 1237.3 mil milhões (um aumento de 17.9% em relação ao período homólogo de 2021), e as importações aumentaram para € 1438 mil milhões (um aumento de 48.9% em relação ao período homólogo de 2021). Como resultado, a UE registou um défice de € 200.7 mil milhões, em comparação a um superávit de € 83.2 mil milhões em janeiro-junho de 2021. O comércio dentro da UE aumentou para € 2064.5 mil milhões em janeiro-junho de 2022 (+24.3% em relação ao período homólogo de 2021).

Figura 4 – Comércio da UE (Em Milhares de Milhões de Euros)


Extra-EU Exports (Exportações da UE Para o Resto do Mundo); Extra-EU Imports (Importações da UE Vindas do Resto do Mundo);Extra-EU Trade Balance (Balança Comercial da UE em Relação ao Resto do Mundo);Intra-EU Trade (Comercio Dentro da UE); Growth (Aumento).
Fonte: Eurostat.

Nos primeiros seis meses de 2022, os maiores aumentos foram registados nas importações e, em menor valor, nas exportações de energia, levando a um aumento significativo do défice comercial de energia da UE (€ 290.8 mil milhões em janeiro-junho de 2022 em comparação aos € 105.6 mil milhões no período homólogo de 2021).

Figura 5 – Exportações e Importações dos Principais Produtos da UE (Em Milhares de Milhões de Euros)


Extra-EU Exports (Exportações da UE Para o Resto do Mundo); Extra-EU Imports (Importações da UE Vinda do Resto do Mundo); Trade Balance (Balança Comercial da UE em Relação ao Resto do Mundo); Growth (Aumento); Total (Total dos Produtos); Primary Goods (Bens Primários); Food& Drink (Alimentos e Bebidas); Raw Materials (Matérias-Primas); Energy (Energia); Manufactured Goods (Bens Manufaturados); Chemicals (Químicos); Machinery & Vehicles (Maquinaria e Veículos); Other Manuf’d Goods (Outros Bens Manufaturados); Other (Outros).
Fonte: Eurostat.

O país para o qual a UE mais exportou em janeiro-junho de 2022 foi os EUA, com o valor de € 247 mil milhões (+29.1% em relação ao período homólogo de 2021). A UE registou um superávit na balança comercial com os EUA de € 80.6 mil milhões em janeiro-junho de 2022. Já o país do qual a UE mais importou foi a China, com o valor de € 301.7 mil milhões (+43.3% em relação ao período homólogo de 2021). A UE registou um défice na balança comercial com a China de € 189.5 mil milhões em janeiro-junho de 2022.

Figura 6 – Dados de Comércio com os Principais Parceiros Comerciais da UE (em Milhares de Milhões de Euros)


EU Exports to (Exportações da UE para); EU Imports from (Importações da UE Vindas de); Trade Balance (Balança Comercial da UE com).
Fonte: Eurostat.

Portugal registou um défice da balança comercial para com os membros da UE de € 9 mil milhões em janeiro-junho de 2022; para com os países fora da UE, um défice de € 5.1 mil milhões.

Figura 7 – Total de Exportações/Importações e Balança Comercial dos Membros da UE


Total Exports (Total de Exportações); Total Imports (Total e Importações); Trade Balance (Balança Comercial); Intra-EU (Comércio Dentro da UE); Extra-EU (Comércio Fora da UE); Total (Total do Comércio Dentro e Fora da UE).
Fonte: Eurostat.

Em junho de 2022, em comparação ao mesmo mês do ano anterior, todos os membros da UE registaram um aumento das exportações para fora da UE, exceto o Chipre (-12.2%) e Dinamarca (-2.4%). Os maiores aumentos foram registados na Eslovénia (+109.4%) e na Grécia (+75.6%).

Figura 8 – Exportações Para Fora da UE por Membro em Junho de 2022 (Mudança % em relação a Junho de 2021)


Fonte: Eurostat.

E, em relação às importações de fora da UE, todos os todos os membros da UE registaram um aumento em junho de 2022 face ao mesmo mês do ano anterior, exceto Letónia (-24.8%) e Luxemburgo (-20.1%). Os maiores aumentos foram observados em Chipre (+130.1%) e em Grécia (+100.4%).

Figura 9 – Importações de Fora da UE por Membro em Junho de 2022 (Mudança % em relação a Junho de 2021)


Fonte: Eurostat.

 

André Marques

Etiquetas :

Sem categoria

Partilhar :

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.