A taxa de inflação anual da zona euro atingiu, segundo a Eurostat, 5.9% em fevereiro de 2022, face aos 5.1% em janeiro de 2022. Em fevereiro de 2021, a taxa era de 0.9%. A taxa de inflação anual da UE foide 6.2% em fevereiro de 2022, face aos 5.6% em janeiro de 2022. Em fevereiro de2022, a taxa foi de 1.3%.


Figura 1 – Taxa de Inflação de Preços Anual(2012-2022)


Zona Euro (Linha Vermelha); União Europeia(Linha Azul Tracejada).

Fonte: Eurostat.


As taxas anuais mais baixas foram registadasem Malta, França (ambos 4.2%), Portugal, Finlândia e Suécia (todos 4.4%). Astaxas anuais mais elevadas foram registadas na Lituânia (14%), Estónia (11.6%)e República Checa (10%). Em comparação a janeiro, a taxa de inflação anual caiuem dois membros da UE e aumentou em 25.


Estes valores são medidos pelo HarmonisedIndex of Consumer Prices (HICP) ou Índice Harmonizado de Preços no Consumidor(IHPC), que é o índice que mede as alterações nos preços de bens e serviçosadquiridos, usados ou pagos pelas famílias da zona euro. O termo ‘harmonizado’se refere ao facto de que todos os países da União Europeia (UE) seguem a mesmametodologia.


Figura 2 – Taxa de Inflação de Preços Anualdos Países da UE (Fevereiro de 2022)


Zona Euro (Barra Vermelha); UE (Barra Azul);Membros da UE (Barras Verdes).

Fonte: Eurostat.


Figura 3 – Taxa de Inflação de Preços Anualdos Países da UE Medida pelo HICP


Annual Rate (Taxa Anual); Monthly Rate (TaxaMensal).

Nota: Os três últimos (Islândia, Noruega eSuíça) não fazem parte da UE.

Fonte: Eurostat.


Em fevereiro de 2022, a maior contribuição paraa taxa de inflação da zona euro veio da energia (+3.12%), seguido de serviços(+1.04%), alimentos, álcool e tabaco (+0.9%) e non-energy industrial goods –NEIG (+0.81%).


O NEIG contém três componentes: 1- bens nãoduráveis (ex: bens eletrónicos para cuidados pessoais, produtos farmacêuticos,jornais), representando 27% do NEIG; 2- bens semi duráveis (ex: roupas ecalçados, livros, equipamentos recreativos), representando 39% do NEIG; 3- bensduráveis (ex: carros, móveis, eletrodomésticos, computadores), representando34% do NEIG.


Figura 4 – Contribuição Mensal para a Taxa deInflação de Preços Anual da Zona Euro por Componentes


Fonte: Eurostat.


Em fevereiro de 2022, a maior taxa de inflaçãoanual da zona euro foi a da energia (32%); a menor, a dos serviços (2.5%).Excluindo energia, a taxa de inflação anual atingiu 3.1%.


Figura 5 – Taxa de Inflação de Preços porComponentes


Fonte: Eurostat.



André Marques