Fale Connosco

+351 255 214 495

Registo

ETF’s de Ouro Tiveram um Fluxo de Entrada de 35.3 Toneladas em Fevereiro de 2022



Os ETF’s de ouro tiveram um grande fluxo deentrada global pelo segundo mês consecutivo em fevereiro, com 35.3 toneladas (em janeiro, foram 46.3 toneladas). O total de participações em ETF’s de ouro, globalmente, terminou o mês defevereiro em 3650.6 toneladas, de acordo com os dados mais recentes do WorldGold Council (WGC).


Desde o início do ano, os ETF’s de ouroregistaram entradas líquidas de 81.6 toneladas.


A alta inflação e a maior volatilidade domercado continuaram a impulsionar o investimento em ouro. O risco geopolíticotambém foi considerado em fevereiro, devido ao conflito entre Rússia e Ucrânia.


A repartição dos fluxos por região no mêspassado foi semelhante a janeiro, com fundos norte-americanos e europeusregistando fortes entradas, mais do que superando as saídas de fundosasiáticos.


Os fundos norte-americanos adicionaram 21.5 toneladasde ouro em fevereiro. Os fundos maiores tiveram os maiores aumentos em termosabsolutos, mas praticamente todos os fundos norte-americanos cresceram a umataxa semelhante. De acordo com o WGC, a inflação persistentemente alta,juntamente com a invasão russa e as correspondentes sanções económicas,reduziram consideravelmente as expectativas de aumentos mais agressivos dastaxas de juro por parte do Fed. Isto aumentou as alocações em ouro.


Os ETF’s de ouro europeus registaram entradasde 21.4 toneladas. As notícias de inflação elevada desafiaram as expectativas emfevereiro. Isto se deveu principalmente ao aumento dos componentes de alimentose energia e impulsionou o investimento em ouro na zona euro. As tensõesRússia-Ucrânia exacerbaram os temores de inflação devido às suas implicaçõespara o fornecimento de energia na região.


Os fundos asiáticos continuaram a vender ouro,com as participações caindo 7.4 toneladas em fevereiro. A maior parte destassaídas foi impulsionada por ETF’s chineses. De acordo com o WGC, istoprovavelmente ocorreu devido a vendas táticas, pois o preço do ouro subiu,enquanto os mercados de ações locais permaneceram positivos ao longo do mês.Houve também a realização de lucros na Índia.


As participações em outras regiões, incluindoa Austrália, ficaram estáveis em fevereiro.


O preço do ouro subiu 6% em fevereiro.


Em 2021, os ETFs de ouro tiveram saídasglobais de 173 toneladas, já que grandes fundos norte-americanos diminuíramsuas posições devido ao preço mais baixo do ouro em relação a 2020. A perceçãode que o Federal Reserve – Fed (o banco central dos EUA) não será capaz decombater a inflação sem prejudicar a economia juntocom a turbulência geopolítica deu um impulso ao ouro nos primeiros dois mesesde 2021.


O pensamento convencional é que aumentos dosjuros levam a uma diminuição do preço do ouro. É por isto que toda vez querecebemos notícias de inflação preços maiores do que o esperado no ano passado,o preço do ouro baixava. A maioria dos investidores e instituições financeiraspresumia que o Fed aceleraria o ritmo destes aumentos de juros.


Mas este recente aumento do preço do ouro,mesmo com a expectativa de o Fed aumentar os juros, pode ser um indicativo deque os investidores estejam a considerar as taxas de juro reais. A taxa de juro real é igual à taxa nominal menos a taxa de inflação depreços. E o WGC afirma que as taxas de juro reais devem permanecer baixas.


Os influxos de ouro em ETF’s sãosignificativos em seu efeito no mercado mundial de ouro, elevando a demandageral.


É importante destacar a diferença de investirem ETF’s de ouro e em ouro físico.


ETF’s de ouro são lastreados por ouro físicoem posse do emissor e são transacionados no mercado, como ações. ETF’s permitemaos investidores comprarem ouro sem terem de comprar onças inteiras ao spotprice. É possível vender e comprar diversas vezes ao longo do dia, sendo uminstrumento muito utilizado por investidores mais especulativos, como traders.


ETF’s de ouro também são uma boa opção(dependendo dos objetivos do investidor), porém, não são um substituto do ourofísico. É necessário considerar que, ao adquirir ETF’s de ouro, o investidornão possui realmente propriedade sobre o metal.


Ouro Físico é mais adequado para a obtenção deuma reserva de valor e investimento a médio e longo prazo. É adequado para manter(ou aumentar, já que o ouro não é inflacionado) o poder de compra ao longo dotempo. Veja aqui como o padrão ouro aumentou o poder de compra nos EUA noséculo XIX.


Veja mais detalhes sobre as diferenças entreETF’s de ouro e ouro físico aqui.



André Marques

Etiquetas :

Sem categoria

Partilhar :

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *