Após uma forte queda em 2020 devido aos lockdowns econfinamentos, a demanda por ouro no setor de tecnologia recuperou-serapidamente em 2021.


Em 2021, a demanda por ouro do setor detecnologia aumentou 9% (atingindo 330 toneladas), com crescimento anual emtodos os trimestres, de acordo com o World Gold Council (WGC). A demanda foiaproximadamente igual aos níveis pré-pandemia de 2019.


A maior parte da demanda industrial de ourovem do setor de eletrónicos, que se recuperou do impacto dos confinamentos, aumentando9% (para 272 toneladas) no ano passado. A demanda no quarto trimestre foi de 71toneladas. Esta foi a primeira vez que a demanda do setor de eletrónicosultrapassou 70 toneladas no quarto trimestre desde 2017.


O ouro usado em outras aplicações industriais aumentou12%, atingindo 47 toneladas.


De acordo com o WGC, 2021 pode ser consideradoum ano de forte recuperação do setor de tecnologia, mas não foi isento de desafios: “A pandemia continuou a afetar a oferta e a demanda em todos os setores detecnologia. Muitos grandes fabricantes tiveram de ser engenhosos e ágeis emsuas operações para lidar com uma série de situações, incluindo os lockdowns repentinose racionamento de energia. A indústria eletrónica tem sido particularmentevulnerável a esses eventos devido à sua dependência de vastas fábricas, ehistórias de operações inteiras de fabricação de chips a se realocaremtemporariamente não foram incomuns nos últimos dois anos.”

Clique aqui para ver detalhes sobre o uso da prata e do ouro no setor de eletrónicos.


O ouro tem utilidades em diversos outros setores, como a medicina, odontologia, aeroespacial, joias, entre outros. Estes usosnão monetários (além de sua escassez, maleabilidade, inércia, durabilidade euniformidade) dão valor ao metal amarelo e foram o que o tornaram o meio maisutilizado como dinheiro ao longo da história.

André Marques